TJA 100 anos: A Valsa Proibida mobilizou Fortaleza nos anos 40

jun 15, 2010

Opereta apresentada no Theatro José de Alencar | foto: Arquivo TJA

Opereta apresentada no Theatro José de Alencar | foto: Arquivo TJA

por Izabel Gurgel e Kiko Bloc-Boris, da equipe TJA

A opereta A Valsa Proibida mobilizou a cidade nos anos 40, quando da temporada de estréia no Theatro José de Alencar.

Música de Paurillo Barroso e direção de Haroldo Serra, criador e atual diretor do grupo Cómédia Cearense.

Confira todas as notas sobre o centenário do Theatro José de Alencar

CATEGORIAS: TJA 100 anos

Comentários

Deixe aqui seu comentário

1

RAIMUNDO ARRAIS E AYLA MARIA

junho 26, 2010 às 11:11

PARTICIPAMOS NA GRANDE MONTAGEM EM 1984 E NAS POSTERIORES TEMPORADAS NO RIO DE JANEIRO( TEATRO DULCINA) E MAIS OUTRAS TEMPORADAS EM 1991. FOI A MAIOR EXPERIENCIA DE NOSSAS VIDAS COMO CANTORES LÍRICOS DE OPERETA. AS CANÇÕES SÃO BELAS E CONTINUAMOS A CANTA-LAS COM A MESMA DESENVOLTURA . ACREDITO QUE DEVERIA SER UMA OBRIGAÇÃO DA CULTURAL DO NOSSO ESTADO MONTAR SEMPRE EM JULHO ESTA E OUTRAS OPERETAS DE PAURILO, O TENOR FRANKLIN TEM A VOZ MARAVILHOSA E PODERA TER MUITO ÊXITO. AYLA E ARRAIS

2

AYLA E ARRAIS

junho 26, 2010 às 11:14

PARA COMEMORAR 100 ANOS DO THEATRO JOSE DE ALENCAR ESPERAVAMOS RECITAIS DE GRANDES NOMES DO PIANO ( LANG – LANG); TENOR JUAN DIEGO FLORES OU ROBERTO ALAGNA, SOPRANO ANNA NETREBKO E ARTISTAS DE NOSSA TERRA QUE PODERIAM TER RECITAIS ESPECIFICOS DE CANTO LÍRICO…MAS… CEARÁ É O FIM DA LINHA CULTURAL DO BRASIL. QUE FAZER?

3

FRANKLIN DANTAS

agosto 6, 2010 às 21:06

que alegria preparar ” a valsa proibida ” …. a estréia está próxima…..e a ansiedade vai aumentando……..
grande é a responsabilidade de reviver o principe fred, tendo sido precedido por orlando leite e raymundo arrais, vozes que tanto orgulham este ceará.
ayla e arrais contam com minha eterna admiração….
e vamos apesar de tantas dificuldades prosseguindo, trabalhando, sonhando e realizando música nesta terra tão árida….
seria possivel unir forças e realizar grandes coisas?
o centenário do teatro merece

4

GRAÇA ARAÚJO

agosto 17, 2010 às 18:39

Tive oportunidade de assistir a valsa proibida, em 1984, onde o raimundo arrais e ayla maria foram os protagonistas! FOI INESQUECÍVEL! INFELIZMENTE, HOJE NOS JORNAIS SÓ SE FALA NAS APRESENTAÇÕES ANTERIORES A ELES! por que? na minha opinião eles deveriam ser homenageados na estréia da opereta. é o mínimo que se deve fazer para não deixar cair no esquecimento uma época tão maravilhosa e cantores de vozes tão maravilhosas que continuam encantando a todos que têm o privilégio de ouvi-los!

5

eduardo correa de oliveira

agosto 27, 2010 às 17:56

como musico, pianista e barítono, tive o prazer de acompanhar, como um co-repetidor pianistico, dos ensaios da opereta a valsa proibida. Sem dúvida alguma marcante obra cultural cearense. abragendo otimo texto, com uma exuberância musical a toda prova. motivando aos solistas, e, a estes principalmente, deleitar, no conhecimento vocal e artístico que possuem, em projetar nas vibrações das cordas naturais durante todas as tramas, juntamente com o efeito sonoro do coral vocal, executar peças preenchidas com enfases romanticos, humorísticos entre maravilhosos e diferentes desenhos e andamentos musicais. quanta riqueza !! sob a direção de um experiente teatrologo, sensivel também a música, sob a regencia do competente prof. wasken fermaninan, haroldo serra. estamos de parabéns !!

6

Vitória pereira

setembro 2, 2010 às 01:45

concordo em genero, número e grau com comentário de graça araújo.
não querendo menosprezar os demais artistas da terra, mas, falando-se de ayla e arrais se deve tirar o chapéu.
mas estamos aonde? fazer o que…

7

Olavo Ramos Pereira Neto

setembro 26, 2011 às 15:59

queria saber se meu avô fez parte do primeiro elenco da valsa proibida, o nome dele era Olavo Ramos Pereira.
agradeço a atenção!